COMO ESCOLHER A SUA SAPATILHA DE LEVANTAMENTO?

força, lpo, sugestões de equipamentos, treinamento & coaching -

COMO ESCOLHER A SUA SAPATILHA DE LEVANTAMENTO?

Por Tricia Moore

Como coach, eu sou responsável por observar o movimento. É necessário que eu ajude os meus clientes a entenderem quais passos eles precisam dar para se movimentarem com integridade, para que eles estejam seguros e se tornem mais fortes. Frequentemente eu tenho conversas sobre mobilidade, técnica, exercícios auxiliares, prática, e claro equipamentos.

Uma das perguntas que mais ouço é "Ei, você acha que uma sapatilha de levantamento vai me ajudar no squat, clean, etc...?"

Minha resposta é "Sim, você irá se sentir mais estável e em contato com o chão".

Para os nossos membros mais novos, isso pode ser uma tarefa assustadora. Eles possuem tantas questões que precisam ser respondidas. Existem diferentes tipos de sapatilhas? O que ela deve ter? Quando eles devem usá-las? Para que elas são feitas? A boa notícia é que temos todas as suas respostas aqui.

O papel da confiança

Primeiro, vamos falar sobre a estética, elas parecem um pouco estranhas. Portanto, é importante você ter uma que você se sinta confortável usando. Levantamento de Peso é tanto confiança e agressividade quanto força, portanto tenha um par de sapatilhas que você realmente goste. Você deve sentir-se bem com elas e você deve gostar da cor, marca, e estilo de uma maneira geral. Confiança é um fator importante no LPO.

Na sua jornada para selecionar um par bom de sapatilhas, você verá três grandes tipos. O primeiro, e mais reconhecido, é o de Levantadores Olímpicos. 

Sapatilhas de Levantamento Olímpico

Esses tênis são desenvolvidos para o snatch e o clean & jerk, e normalmente possuem sola grossa e saltos sólidos. O salto levantado permite que você agache com maior profundidade e faz com que você fique com o tronco mais alto. Normalmente limitações na mobilidade como panturrilhas rígidas ou de tornozelo não permitem que o atleta mantenha os calcanhares no chão no agachamento. Dominância na parte anterior da coxa também pode afetar a habilidade da pessoa em utilizar os músculos posteriores ou glúteos. Frequentemente vemos atletas subirem nas pontas dos pés durante o agachamento. Em qualquer um dos casos, esses tênis podem ajudar a manter contato com o chão, e com o passar do tempo criar um novo, e mais seguro, padrão de movimento.

Sola Reta

No outro lado, você vê tênis minimalistas ou com sola reta, como All Stars. Esses tênis também possuem contato com o chão, porém sem salto. Deadlifts ou agachamentos com a barra posicionada mais baixa são movimentos comuns que requerem que o atleta tenha o máximo de contato com o chão. Você até vê atletas baterem os pés no chão antes do movimento de modo a estimular o sistema nervoso. Contanto que a sua mobilidade seja boa no quadril e tornozelos, essa pode ser uma boa opção para você.

Tênis de Powerlifting

Em um meio termo, nós vemos tênis de powerlifting. Esses tênis tipicamente possuem um salto mais baixo, e são desenvolvidos para levantamentos de força, como variações de agachamento e supino. O salto um pouco mais alto ajuda a acomodar a posição de modo que o atleta consiga manter contato do calcanhar e utilizar a cadeia posterior da coxa. Esses sapatos são estáveis e podem ajudar a melhorar o padrão de movimento.

Alguns atletas não utilizam sapatos de levantamento de peso, mas os que usam e se comprometem a tirar o máximo deles não olham para trás. Os benefícios são individuais, mas a maioria dos atletas que possuem restrições nas articulações acham que um leve aumento no salto do calcanhar acaba valendo a pena o investimento.

Claro que o tênis sozinho não vai ajudar em nada se você não tiver uma técnica correta. Então continue aprendendo, trabalhando nas suas posições, priorizando mobilidade e ativação, e aliado com o seu tênis novo levará você a altos ganhos.


Deixe um comentário